quarta-feira, 19 de maio de 2010

Aniversário do Tutu!


Tutu seis meses


Tutu 1 ano




Primeiro dia de aula (a mamãe chorou durante as 4 horas de aula dele rsrsrs)


Nosso primeiro tombo rsrsrs...





Eu juntinha com o maior amor da minha vida!


Dia 19 de Maio pra mim é muito especial, há seis anos eu passei 12 horas em trabalho de parto e pude pela primeira vez enxergar o rosto da pessoa mais linda do mundo.
Felicidade seria pouco para descrever aquele momento, foi um misto de medo, alegria, e um amor tão grande, que fez de uma menina pequena, uma mulher determinada.
Ele é tão especial que a primeira palavra que pronunciou foi perna! Pois é perna rsrsrsrs...
Uma figura, como a mamãe dele rsrsrsrsrs...
Uma parte minha que fala, e anda por aí!
Ter alguém dentro do seu ventre é uma experiência magnífica, agora tê-lo em meus braços é muito mais gostoso.
Errando e tentando acertar eu vou seguindo sempre ao lado do meu melhor amigo, meu companheiro, e passar o dia fora sabendo que quando eu chegar de noite vou encontrar o Tutu acordado até tarde me esperando de braços abertos, me faz agradecer todos os dias a Deus o privilégio de ser a mamãe dele.
Tutu, mamãe só tem uma coisa pra te falar neste aniversário, que Deus nos permita estar muitos anos juntinhos e como eu te digo todos os dias:
Coisa linda eu te amo...
Meu João Arthur tem o apelido de Tutu desde a gestação, por causa do Tutubarão rsrsrs ...
Como meu filho ama Claudinho e Buchecha segue a música que ele canta pra mim e que traduz bem a relação maravilhosa que nós temos.
Claudinho e Buchecha. Fico assim sem você.

12 comentários:

Nova Civilização disse...

Ju,

muito lindo... Parabéns para a mamãe e para o filhinho também. Gostei muito do post. Acho que essa música marca todas as mães. As minhas filhas adoram também.Quando estava lendo o seu blog elas escutaram e sairam correndo para ver. Ficaram dançando e cantando... Muito bom!

Ju disse...

que lindo!!!
parabéns pra ele!
ele é uma fofura!
amor verdadeiro, né? :D

bjoss

Natália disse...

Juro que até me arrepiei com o post, pensando na minha vez, daqui uns anos....felicidades para seu "Tutu" e pra vc tb Flor, bjos.

MANU PINK disse...

OI JU!!!! FIQUEI MUITO FELIZ Q VC FOI ME VER!!!!! VALEU PELA VISITINHA!!!!BJOKAS!!!!

Lady Rouge disse...

ai q lindo post!!
desculpa eu chegar atrasada aqui!!
q Deus abençoe vcs!!

bjos

Ju disse...

Meu Deus, que coisa mais linda!!!
Adoro essa lógica de criança... fico encantada! Morreria de rir também! rsrs

Dá um aperto nele por mim! :D

bjoss

Amiga do Cafa ( Celamar ) disse...

Ju,
também estou com saudade do seu canto.
Bela homenagem ao Tutu, que é um gatinho.
Lindo o seu carinho com o filhote e esse sorriso de felicidade.
Seu verdadeiro príncipe encantado.
Quer dizer que você chorou quatro horas enquanto o Tutu estava na escola ? Ai ai ai....
Parabéns pra ele sempre ! Que ele possa te fazer muito , muito feliz !
Saúde, amor e muito carinho para os dois.
Beijos !

Ana do ***Calcinha Fru-Fru*** disse...

Oi Ju!!

Faz tempo que não passo por aqui!! Que fotinhos mais fofas!!!

Beijinhos!

Símbolo Instituto Atibaia disse...

Essa música é mesmo uma graça. O filho de 5 anos de uma amiga cantou essa música para a musa dele: a minha linda sobrinha de 16 anos... muito fofo o Lucas...

Déia disse...

Parabens!! Que coisa mais linda do mundo!!

Muuitas felicidades, viu?

E não apronta muito com a mamãe kkkkk

bj

Fabrício Santiago disse...

Olá, desculpe invadir seu espaço assim sem avisar. Meu nome é Fabrício e cheguei até vc através do Blog do Depois do Divã. Bom, tanta ousadia minha é para convidar vc pra seguir meu blog Narroterapia. Sabe como é, né? Quem escreve precisa de outro alguém do outro lado. Além disso, sinceramente gostei do seu comentário e do comentário de outras pessoas. Estou me aprimorando, e com os comentários sinceros posso me nortear melhor. Divulgar não é tb nenhuma heresia, haja vista que no meio literário isso faz diferença na distribuição de um livro. Muitos autores divulgam seu trabalho até na televisão. Escrever é possível, divulgar é preciso! (rs) Dei uma linda no seu texto, vou continuar passando por aqui...rs



Narroterapia:

Uma terapia pra quem gosta de escrever. Assim é a narroterapia. São narrativas de fatos e sentimentos. Palavras sem nome, tímidas, nunca saíram de dentro, sempre morreram na garganta. Palavras com almas de puta que pelo menos enrubescem como as prostitutas de Doistoéviski, certamente um alívio para o pensamento, o mais arisco dos animais.


Espero que vc aceite meu convite e siga meu blog, será um prazer ver seu rosto ali.


Abraços

http://narroterapia.blogspot.com/

Anônimo disse...

Que saudades desse pequeno!