domingo, 27 de setembro de 2009

RESISTÊNCIA BACTERIANA


É quando uma bactéria é resistente a certos tipos de antibióticos.
Começa assim, quando um indivíduo está infectado e administra inadequadamente um antibiótico, a bactéria torna-se resistente a ele.
Como?
Restam às bactérias que sobreviveram ao antibiótico e a partir delas se reproduzem novas com genes que podem também ser transmitidos de bactéria para bactéria da mesma espécie ou até de outras espécies as quais serão resistentes ao mesmo antibiótico.
Como evitar?
Nunca se automedique, sempre administre antibióticos em horário e dose correta.
Remédio só com prescrição médica, não serve a do balconista da farmácia ou mesmo do farmacêutico, pois os mesmos não conhecem o histórico do paciente.
Estudos indicam que nos próximos dez anos muitos antibióticos não terão mais eficácia, pelo mau uso e venda indiscriminada.
Certifique se sempre se o seu médico está atualizado em relação à antibiocoterapia, e não influenciado por um representante de laboratório, muitas vezes eles mostram as maiores novidades, ou seja, antibióticos de ultima geração, que acabam afetando as bactérias e tornando as mais resistentes.


VOCÊ SABIA?
Que um médico só pode prescrever os antibióticos que matam bactérias de maior incidência no seu hospital, não é aleatoriamente como numa automedicação, o hospital tem um quadro (protocolo) com os que devem ser prescritos.

14 comentários:

Déia disse...

O pior é que muita gente tem manía de se auto medicar ou pedir uma indicação pro balconista da farmácia rsrsrs

Todo mundo se acha um pouco médico... E com isso...tudo só piora...

bj

Ju disse...

Pois é, auto medicação é terrível. Acaba gerando mais problemas.

Mas existem dois tipos:

1. a pessoa se auto medica porque é irresponsável e não vai ao médico antes.

2. a pessoa se auto medica porque não confia no médico. Principalmente quando o remédio que ele prescreveu não está resolvendo.

Aqui na minha cidade aconteceu um caso que ficou bem famoso. Foi dessa gripe suína.

A moça foi ao hospital com sintomas de gripe, foi examinada, os médicos prescreveram remédios e tramento para gripe comum e ela foi mandada pra casa.

Dois dias depois ela volta ao hospital com piora no quadro. Ficou internada. Mas não deram a ela a medicação indicada pra gripe suína porque parece que só funciona nas primeiras 48h (algo assim). E ela acabou morrendo.

Ou seja, o diagnóstico foi mal feito. Ela talvez estivesse viva hoje se tivesse tomado logo esse remédio (com prescrição médica ou não). Antes ela tivesse arranjado um jeito de se auto medicar, não?!

Pena!

Bjo

Juliana Migliorati disse...

Meus queridos amigos peço perdão por não estar respondendo nem lendo os posts de vcs, meu pc deu pau, pois é!
Ele móoorreuuuu... rsrsrsr..
Então decidi comprar outro estou a espera da entrega oque deve ocorrer em breve, logo retorno, mais por enquanto estou afastada.
Sou muito grata pelos comentários carinhosos muitos beijinhos a tds e a Juju do merda falei o remédio funciona sempre enganaram ela, nossa que médico filh... nem vou comentar mais ju td tem retorno ele que se cuide né!

Ju disse...

Fala sério! Mesmo?! Então foi desculpa pra enganar a galera mesmo. Porque isso foi dado como satisfação à imprensa e tal. Por ela ter morrido.

Acho que, na verdade, não souberam diagnosticar a doença. O que é um dos grandes motivos que levam as pessoas a se auto medicar, sabia?! Falta de confiança!

É verdade, tudo na vida é ação e reação!

Computador que dá pau é "ótimo"! O meu tá quebrado aqui há uma data. E o pior é que você chama os técnicos pra consertar eeles não vem. Devem estar todos ricos! rsrs

O melhor é comprar outro mesmo. Por isso que eu só compro os baratinhos. Nunca compro top de linha. Pq quando quebra, joga fora e compra outro! rsrs

Bjo

Amiga do Cafa ( Celamar ) disse...

Ju....
Já peguei uma bactéria mas caí na mão de um médico competente. Ele me receitou antibióticos e entre mortos e feridos, salvaram-se todos !
Na torcida para o computador novo chegar logo.
Realmente ficar sem computador é uma M....
Eu que trabalho nele, então, não posso nem pensar...
Quanto ao espiritismo, Ju, não importa quem é o seu guia, nem que tipo de mediunidade você tem. Importa a caridade e quais serão suas atitudes diante da vida e das pessoas.
Nossos guias são apenas guias. Nós é que fazemos nosso caminho.
No meu caso, eu tive que sair pq tinha outras coisas para fazer na vida, até mesmo o blog e a exposição para mim, seria prejudicial no meu trabalho mediúnico.
Enfim....cada um dá o que pode e quando pode.
Você ainda é muito nova...deve pensar na sua vida profissional.
Grande beijo !

Blog do Óbvio disse...

, muito importante esse artigo. Trabalhei algum tempo na Johnsons&Johnsons e aprendí o rigor com que se preocupam com isso. Tudo é controlado microbiológicamente. Valeu! Beijos de micro novo prá você e pro meu amigo João Arthur. Manoel.

Abraão Vitoriano disse...

Juliana,
entrei na sua janela e me deparei com tantas informações interessantes, isso é tão bom.

um beijo grande,
e continuemos...

Anônimo disse...

Eu faço farmácia ....

Não que seja certo a auto medicação,mas muitos médicos prescrevem remédios errados e alguns farmacêuticos sabem mais que muitos médicos por ai...

Anônimo disse...

I admire your website , it?s filled of lot of information. You just got one perennial visitor of this site!

Anônimo disse...

I like every post in this blog. Really a nice work has done. I appreciate the blog owner

Anônimo disse...

I'm very happy to read this. This is the type of manual that needs to be given and not the random misinformation that is at the other blogs. Appreciate your sharing this greatest doc. florida car insurance

Anônimo disse...

adorei esse blog me ajudou muitoo, sou estudante e fiquei impressionada pois não encontrei nada sobre a resistência bacteriana.... adorei :D

laura disse...

Não

laura disse...

Como e chamado